Prêmio da Capes seleciona seis teses da UFMG

Foram contemplados trabalhos defendidos em 2017, de áreas como física, ciência da computação, comunicação e demografia

Seis trabalhos defendidos na UFMG no ano passado serão premiados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (Capes). Quatro teses foram escolhidas as melhores em suas respectivas áreas de conhecimento, e outras duas mereceram menções honrosas do Prêmio Capes de Tese 2018.

Bruno Ricardo de Carvalho, do programa de pós-graduação em Física, Rodolfo Wanderson Lima Coutinho (Ciência da Computação), Daniel Reis Silva (Comunicação Social) e Juliana de Souza Barros (Demografia) foram selecionados para o prêmio principal, com outros 38 pesquisadores; Rubem Teixeira Ramos (Ciência da Informação) e Flávia Regina Miranda (Zoologia) estão entre os 81 que receberão menções honrosas.

O pró-reitor de Pós-graduação da UFMG, professor Fábio Alves, destaca a diversidade das áreas contempladas. "As escolhas da Capes refletem o caráter abrangente da excelência da UFMG, que atinge todos os campos do conhecimento", salienta.  

Os prêmios serão entregues em solenidade no dia 13 de dezembro, em Brasília, quando também serão anunciados os vencedores das três grandes áreas do conhecimento (Grande Prêmio Capes de Tese).


Estes são os doutores da UFMG premiados:

Bruno Ricardo de Carvalho
Tese: Raman spectroscopy in MoS2-type transition-metal-dichalcogenides
Orientador: Marcos Assunção Pimenta
Coorientadores: Cristiano Fantini Leite e Mauricio Terrones
Programa de Pós-graduação em Física

Rodolfo Wanderson Lima Coutinho
Tese: Controle de topologia e roteamento oportunístico em redes de sensores aquáticas
Orientadores: Antonio Alfredo Ferreira Loureiro e Azzedine Boukerche
Coorientador: Luiz Filipe Menezes Vieira
Programa de Pós-graduação em Ciência da Computação

Daniel Reis Silva
Tese: Relações públicas, ciência e opinião: lógicas de influência na produção de (in)certezas
Orientador: Marcio Simeone Henriques
Programa de Pós-graduação em Comunicação Social

Juliana Vasconcelos de Souza Barros
Tese: Estratégias reprodutivas e evolução de fronteira agrícola: um estudo qualitativo para Machadinho D’Oeste, Rondônia
Orientadora: Laura Rodriguez Wong
Coorientador: Alisson Flavio Barbieri
Programa de Pós-graduação em Demografia

Estes são os pesquisadores que receberam menção honrosa:

Rubem Borges Teixeira Ramos
Tese: Com grandes poderes, vêm grandes responsabilidades: um estudo etnometodológico sobre o leitor e a leitura de histórias em quadrinhos de super-heróis da Marvel e da DC Comics
Orientadora: Ligia Moreira Dumont
Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação

Flávia Regina Miranda
Tese: Taxonomia integrativa do gênero Cyclopes Gray 1821 (Xenarthra, Pilosa)
Orientador: Fabrício Rodrigues dos Santos
Coorientador: Fernando Perini
Programa de Pós-graduação em Zoologia. (Leia reportagem do Boletim UFMG)

Originalidade e relevância
Criado em 2005, o Prêmio Capes de Tese é oferecido anualmente às melhores teses de doutorado de cada uma das 49 áreas do conhecimento, considerando originalidade do trabalho, sua relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural, social e de inovação, além da valorização dada pelo sistema educacional ao candidato.

Duas teses, em cada uma das áreas, também podem ser agraciadas com a Menção Honrosa. São concedidos, ainda, prêmios especiais para áreas pré-determinadas, em parceria com a Fundação Carlos Chagas e a Comissão Fulbright.

 

Fonte: UFMF - Com informações da CCS/Capes.

post anterior próximo post Voltar para listagem