Acontece na APUBH

Nota da Diretoria do APUBH: Resoluções da Assembleia de 15 de maio

No dia 15 de maio, o APUBHUFMG+ realizou uma assembleia virtual com os docentes da UFMG. Foram discutidas, como pauta, as condições do trabalho docente na pandemia e no pós-pandemia, assim como a manutenção do isolamento social, (ameaças, consequências e perspectivas).

Preocupados com a situação da nossa comunidade acadêmica no contexto da pandemia, os participantes e as participantes aprovaram:

1 – Envio à Reitoria da UFMG de ofício com a seguinte solicitação:

  1. a) Realizar estudos sobre projeção de cenários futuros para uma volta às aulas, nas modalidades remota e presencial, em conformidade com determinações das autoridades da saúde; b) Solicitar um levantamento às Unidades sobre as necessidades de inclusão digital dos estudantes para o estabelecimento de contato remoto com professores. A partir deste levantamento, encaminhar os custos (valores) de “bolsas digitais” para os estudantes sem acesso digital para o MEC, pleiteando o recurso. c) Considerar dificuldades de outra ordem, além das condições técnicas, visto que a substituição de atividades presenciais por remotas trará exigências em termos de condições psicológicas, como capacidade de concentração; adequação do espaço domiciliar para acompanhamento dos estudos; dentre outros. d) Solicitar o mesmo levantamento em relação aos e às docentes; e) Ampliar a oferta dos cursos de treinamento já existentes para aulas EAD de modo que uma eventual expansão do uso desta modalidade de ensino seja feita com planejamento e recursos adequados para docentes e estudantes; f) Garantir que a volta às atividades acadêmicas presenciais não coloque em risco a vida, implementando a reorganização dos espaços, como a separação de dois metros entre as pessoas, não utilização de auditórios fechados, dentre outras medidas.

2 –  Dar ampla divulgação ao abaixo-assinado dos docentes da UFMG e Campus Ouro Branco (UFSJ) contra as medidas de flexibilização da quarentena e distanciamento social. Criação de um evento para entrega ao Prefeito de Belo Horizonte, ao governador de Minas Gerais e à Câmara de vereadores.

3 – Criação do Fórum Intersindical – Educação democrática na situação de distanciamento social. A Comissão de trabalho que organizará o Fórum foi composta pelos professores e professoras: Anna Palma,  Braulio de Britto Neves, Rodrigo Borges Coelho, Silvio Salej Higgins, Maria Auxiliadora Pereira Figueiredo e Sirleine Brandão de Souza.

4 – Estudo da Diretoria do APUBH de um percentual e definição de critérios para concessão de uma ajuda financeira aos estudantes em vulnerabilidade durante a pandemia, devendo ser apresentado o projeto em uma nova assembleia.

5 –  O Sindicato irá liderar Campanha para que os docentes apadrinhem alguns estudantes, por meio de doações, ficando o APUBH responsável pela gestão dos recursos captados e os seus respectivos repasses aos estudantes beneficiados, realizando a respectiva prestação de contas, nos termos permitidos pelo art. 12, II e art. 29, IV, do Estatuto.

6 – Envio de ofício à Reitoria para o acesso remoto aos estudantes da UFMG ao MINHAUFMG gratuitamente, através da Internet. Para isso o APUBH solicitará à Reitoria que faça gestões às operadoras de telefonia solicitando a liberação do acesso a custo zero à plataforma MinhaUFMG.

A Diretoria e a Comissão do Fórum já deram início aos trabalhos para dar prosseguimento às propostas aprovadas.

Diretoria do APUBH